Historia de Braga Portugal

Historia de Braga
Historia de Braga
Historia de Braga

Mais de 200 anos de Historia de Braga Portugal – Braga é uma cidade do norte de Portugal, capital de Distrito do Minho e ponto obrigatório de passagem para quem deseja conhecer o norte do país e principalmente para quem se dirige para o Parque Natural da Peneda-Gerês.

Braga demonstra ser uma cidade com traços de modernidade, entretanto apresenta traços de vestígios de tempos anteriormente consagrados da historia de Portugal.

Da Braga Pré-Histórica ao Condado Portucalense

Presume-se que a primeira povoação a ser construída nesta região foi fundada pelos Brácaros, um povo pré-histórico ao qual se deve o atual nome da cidade. Inicialmente, esta povoação era uma citânia localizada no alto de um monte, em volta da qual estavam espalhados castros que a protegiam.

Em 250 a.C., esta povoação foi conquistada pelos romanos, que a desenvolveram, dando à povoação o nome de Bracara (semelhante ao seu nome anterior) Augusta (em homenagem ao imperador Augusto). Roma fez de Bracara Augusta a capital de toda a Galécia, partindo daqui cinco das mais conhecidas vias romanas da Península Ibérica:

Mapa medieval da cidade de Braga Portugal
Mapa medieval da cidade de Braga Portugal

Para Emerita Augusta (Mérida), passando por Scallabis (Santarém) e Olísipo (Lisboa);
Para Astúrica (Astorga), passando pelo Gerês;
Para Astúrica (Astorga), passando por Tude (Tui);
Para Astúrica (Astorga), passando por Aquae Flaviae (Chaves);
Para Astúrica (Astorga), passando por Aquis Baenis (Caminha).
Em 419 d. C., os suevos tomaram a Bracara Augusta, tornando-a na sua capital intelectual e também política, e continuou a ser desenvolvida pelos visigodos após estes a conquistarem no ano 456.

O declínio desta povoação começou no século VIII, após esta ter sido conquistada pelos árabes em 715. Quando, em 715 d.C., caíu sob o poder dos árabes, iniciou a sua decaída e destruição, sendo quase abandonada. Perdeu nesta altura grande parte da sua importância.

Vinte e cinco anos depois, em 740, D. Afonso, rei de Oviedo, reconquistou a povoação, recuperando-a e desenvolvendo-a, devolvendo-lhe assim a sua importância anterior. A povoação foi reconstruída num local um pouco afastado do original, passando as suas terras a pertencer principalmente a bispos e arcebispos, ficando assim a ser conhecida como “Cidade dos Arcebispos”. Devido à riqueza dos senhores da igreja da época, Braga passou a evoluir em sentido material e espiritual, pertencendo a esse período muitos dos monumentos religiosos da cidade, que ainda hoje podem ser apreciados.

Em 985, Braga caiu novamente nas mãos dos árabes, sendo reconquistada, pouco tempo depois, pelo rei de Leão, D. Afonso III. Mais tarde, Braga foi doada como parte do Condado Portucalense, o dote de casamento da filha de D. Afonso III, D. Teresa no seu casamento com D. Henrique de Borgonha.

A Braga Portuguesa

historia de Cidade de Braga
historia de Cidade de Braga

Durante o Condado Portucalense e o Reino de Portugal, Braga continuou a ser terra de bispos e arcebispos, que ajudaram a florescer a cultura cristã, ajudando-a a ganhar em tempos o nome de “Roma Portuguesa”.

Até ao século XVI, Braga era uma cidade comprimida no interior das suas muralhas, mas com o destacamento de D. Diogo de Sousa para o arcebispado de Braga, Braga começou a expandir o seu território através da construção de diversas estradas, dentro e fora das muralhas e também através da fundação do Hospital de S. Marcos e da criação dos “Estudos”.

Historia de Braga Portugal
Historia de Braga Portugal

Coube aos seus sucessores a continuidade da sua obra, com a construção de vários mosteiros e de outros edifícios religiosos, tais como o Santuário do Bom Jesus, a igreja dos Terceiros e a igreja de Santa Cruz.

Em 1809, com a segunda invasão francesa, Braga foi saqueada e parcialmente destruída. Ainda assim, após as lutas liberais, Braga foi reconstruída e modernizada.

Finalmente, Braga viria a ser elevada a cidade a 11 de Agosto de 1927.

Historia de Braga Portugal
Rolar para o topo