Político africano e ex-primeiro-ministro da Chana, Estudou nas Universidades de Lincoln e Pensilvânia, onde foi presidente da Associação de Estudantes Africanos dos Estados Unidos e Canadá.

Em londres, estudou Direito, e aí desenvolveu grande atividade em várias organizações da África Ocidental. De volta à África, dirigiu o Partido nacionalista da Convenção. Sua  Influência nos meios políticos tornou-se cada vez maior.

Em 1951,seu partido venceu as eleições realizadas de acordo com a nova constituição de Costa de Ouro. Nesta ocasião, Nkrumah estava preso, mas foi absolvido para presidir o novo Governo.

Foi Presidente da República de Ghana, quando esta se tornou independente.

Apoiou a unidade de Congo, em 1960, na Conferência Pan-Africana de Leopoldville. Neste mesmo ano, afirmou a federação das repúblicas de Guiné, Mali e Ghana, que tornou Estado oficial, em 1961.

Escreveu a autobriografia Ghan.

Foi deposto por um golpe militar quando se encontrava em visita oficial à China Popular.

Encontra-se exilado na Argélia.

É autor do livre Neocolonialismo, últma etapa do imperialismo. Nasceu em Axim (Costa de Ouro), 1909.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *