A História e Biografia de Albert Einstein – Resumo

A História e Biografia de Albert Einstein – Resumo, Obras e VidaA História e Biografia de Albert Einstein – Resumo, Obras e Vida Conhecido por ser um dos maiores físicos de todos os tempos. E considerado por muitos o melhor. Em sua vida, Einstein fez muitos trabalhos conhecidos, os mais importantes foram relatividade geral, relatividade restrita, movimento Browniano, efeito fotoelétrico, equações no campo de Einstein, a estatística Bose–Einstein e o paradoxo EPR. Esses trabalhos o rendeu o premio Nobel de física de 1921 por sua descoberta da lei do efeito fotoelétrico.

Veja também algumas premiações que o cientista ganhou ao longo da vida.

  • Em 1921 a medalha Matteucci
  • 1925 a medalha Copley
  • Em 1926 medalha de ouro da RAS
  •  Em 1929 medalha Max Planck
  • 1935 Medalha Franklin

Além de todas essas premiações Einstein foi eleito pela Revista Americana Times como personalidade do século.

Ao contrário do que muitos pensa, Einstein não nasceu nos EUA, ele nasceu no antigo império alemão em 14 de março de 1879. Filho de Pauline cutting e Hermann Einstein que era dono de uma oficina eletrotécnica que frequentemente se mudava por fracassar nos negócios.

Einstein teve 4 nacionalidades, sendo elas na Alemanha, Suíça, Áustria e por fim nos EUA. Também morou na Itália entre 1896 e 1901. Einstein também é aclamado por ter publicado seus principais trabalhos em somente um ano, no ano de 1905. Ano que foi chamado de “Ano miraculoso de Einstein.”

Na escola, Einstein não era bom aluno, suas notas eram baixas e não gostava das matérias que não exigiam raciocínio lógico. No inicio de 1902 Einstein teve uma filha com sua colega de universidade, Mileva Marić, que deram o nome Lieserl para a menina. Não se sabe o paradeiro de Lieserl . Em uma carta escrita por Einstein, a Mileva sugere que em 1903 ela foi abortada ou morreu na infância de escarlatina. Após isso se casaram e tiveram 2 filhos; Hans Albert Einstein e Edward.

Em 1919, após viver cinco anos separados, Albert Einstein se separa e casou com sua nova esposa, Elsa Löwenthal foi pouco tempo já que ela tinha problemas do coração e dos rins falecendo em 1936.

Logo após se formar entrou para o instituto de Berna, sua função era de assistente examinador, nesse período o seus trabalhos eram sobre questões de emissões de sinas elétricos e sincronização da eletro mecânica no tempo, foi uma dos trabalhos que ajudou consideravelmente nas descobertas da suas teorias.

Quatro anos após sua formatura foi quando Albert Einstein, estreou na faculdade como professor e por um longo ano passou deu aulas em Zurique, com a aquisição de diversos prêmios e títulos foi nomeado presidente da sociedade alemã de física.

Albert Einstein esteve no Brasil em 1925, quando visitou o brasileiro Carlos Chagas e todos que trabalhavam com Oswaldo Cruz, visitou museus como o no Rio de Janeiro o Museu Nacional, passou pela academia brasileira de ciências, fez participação de duas conferencias no clube de engenharia do RJ, que hoje é a escola politécnica do Rio de Janeiro.

As ações de socialização do índios com a civilização feitas pelo Marechal Cândido Rondon, deixou Albert Einstein impressionado, a ponto dele mandar uma carta para os dirigentes do premio Nobel da Paz sugerindo o brasileiro como possível concorrente.

Em Fevereiro de 1933, Einstein fez uma visita ao EUA e resolveu ficar por lá devido a ascensão do nazismo ao poder de seu novo chanceler, Adolf Hitler. Einstein era judeu não praticante, se volta a Alemanha, provavelmente seria morto. Na época foi oferecido 5mil dólares por sua cabeça.

Já na 2 guerra mundial com a ameaça dos alemães, Einstein enviou a carta que iniciou o projeto manhattan, que gerou a primeira bomba nuclear. Que inicialmente era pra ser usada contra a Alemanha, mas como a mesma perdeu a guerra antes de ser usada, o Presidente Roosevelt queria mostrar a força dos EUA e usou a força no Japão nas famosas cidades Hiroshima e Nagasaki.

Einstein se naturalizou nos Estados Unidos em 1940 onde lutou contra o racismo que predominava o pais. Einstein se arrependeu até o último dia de sua vida por ter enviado a carta que iniciou a construção da bomba atômica.

Jornal Anuncia morte de Albert Einstein aos 76 anos de idade.

albert-einstein-morto-76-anosEinstein morreu aos 76 anos em 17 de abril de 1955. Morreu de Aneurisma da aorta abdominal. Einstein recusou-se a fazer a cirurgia dizendo: “Quero ir quando eu quiser, é de mal gosto ficar prolongando a vida artificialmente. Eu fiz minha parte, é hora de ir embora e farei com elegância.” Em sua morte, foi retirado o cérebro de Einstein na esperança de um dia descobrir o por que dele ser tão inteligente.

Albert Einstein

https://ahistoria.com.br/armas-nucleares-invencao/

https://ahistoria.com.br/reator-nuclear-invencao/
https://ahistoria.com.br/big-bang/
https://ahistoria.com.br/biografia-de-emmy-noether/
https://ahistoria.com.br/da-bomba-atomica/
https://ahistoria.com.br/laser/
https://ahistoria.com.br/corrida-espacialarmamentista/

A História e Biografia de Albert Einstein – Resumo
Rolar para o topo